Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Pensamentos’ Category

calcinha1-crato-edit

Imagem extraida do Blog Maísa na Blogsfera

Como a mãe dizendo para a sogra se dorme ou não sem calcinha…… tudo começou com a sogra falando sobre as considerações que o ginecologista estava fazendo num destes programas de domingo na tv, enquanto reclamava que nos outros canais passava futebol! Obrigada a assistir o programa dominical,  o assunto do café da tarde foi o quanto de vento a bacurinha deve tomar! Quantas calças e quantas saias as mulheres têm em seu guarda-roupa! E que o médico recomenda as mulheres  a dormirem sem calcinha – ele indica isto pois é homem…kkk…dormir sem calcinha seria sinal de sexo-todo-dia, coisa irreal no meu mundo mulher-trabalho fora-filho-jantar-scrap-seriado na tv-corrida-cansaço! De qualquer forma não consigo durmir sem calcinha, talvez seja efeito de um seriado que passou na rede Globo alguns anos atrás sobre um besouro tarado que atacou a mocinha (acho que ela a Carla Marins, a atual protagonista da novela do Sra. Silvio Santo : Rosa alguma coisa). Depois do besouro tarado eu nunca mais dormi sem calcinha (aho que nunca dormi mesmo! Tiro a calcinha faço uma graça, mas taco a dita cuja de volta depois!)- abafa.

Ma o duro de toda a conversa foi ouvir a minha mãe dizendo que adora dormir sem nada, peladona ! Ahhhh que vergonha, a mãe falando isso para a minha sogra! Isto é o tipo de conversa que se fala com a filha na mesa?

Tá, jurei a mim mesma que nunca falarei de dormir pelada na frente do meu filho ou de minha nora quando tiver mais de 50 anos!

Read Full Post »

Guerra

Leio muito, e muitos dos livros que lí relatam sobre guerras, ou histórias passadas em locais com guerras. E cada vez que vejo notícias me corta o coração. Pensar que existem milhões de pessoas aterrorizadas em suas casas sem saber em qual momento uma bomba cairá sobre elas, mães e pais impotentes, sem saber como manter seus filhos vivos.

E como ter representantes tão incapazes de argumentar com estas GUERRAS, se os mesmo países que fazem parte das NAÇÕES UNIDAS ou destes G8 da vida são os maiores fabricantes de armas, totalmente incoerentes!

O que é a guerra  na faixa de Gaza, senão briga por Petróleo, dirfarçada numa guerra santa, que de Santa não tem nada! Não acredito que algums destes profetas, grandes homens que já passaram por nós, em algum momento pediu para que não respeitássemos a crença de outrem! O que nós podemos fazer? Senão mandar boas energias para este povo, rezar para que os decisores caiam em sí? O que fazer?

Read Full Post »

Vida Virtual

Hoje lí uma frase no blog da Dani que me caiu como uma luva, ela escreveu: “…minha vida virtual é tão gostosa que fica maior que a vida real!”.

Para as pessoas que não estão conectadas a esta vida virtual é díficil entender. No começo me achava uma maluca, achava que quem estava na rede eram pessoas que não tinham o que fazer. Mas aos poucos, conhecendo as pessoas, vê que todos têm uma vida super agitada, cheia de compromissos, aliás no meu rol de amizades não conheço nenhum desocupado não.

Passei minha gravidez fazendo amizades virtuais, tirando minhas dúvidas, algumas coisas que aprendi na net sequer foram mencionadas pelo meu médico, quando eu chegava nas consultas parecia médica formada, questionava e perguntava coisas que ele não mencionaria…tadinho!

As primeiras semanas com o Pablo foram mais fáceis, pois eu já estava acompanhando o crescimento de vários bebês que nasceram antes dele, quando algo acontecia eu me lembrava que outrora uma amiga tinha comentado sobre o assunto no blog e a forma como conduziu. (Eu não tinha minha mãe ou sogra por perto, me vierei com o Fábio desde o começo, primeiro banho, primeira noite, tudo eu, ele e o bebê!).

Com esta deliciosa brincadeira tenho amizades que já duram quase 5 anos, algumas tive oportunidade de conhecer ao vivo e a cores, o que so fortaleceu este relacionamento!

Depois claro, veio o scrap, meu hobby e que um dia quem sabe, será uma atividade mais séria em minha vida. Como é gostoso, quando faço um scrap, estou salvando aquela memória, acariciando aquele momento, não é apenas uma foto arrumadinha, sinto enaltecer aquele momento para sempre, acho que quem faz scrap sabe do que eu falo. Tanto que não consigo fazer um scrap por fazer, tem que ter um motivo. Talvez por isso não participe de muitos desafios, pois algums temas não estão ligados ao meu tipo de scrap.

Mas voltando a frase da Dani, minha vida virtual também é muito gostosa, e já está maior que a vida real também! Participo de fóruns, faço parte de dois CT´s maravilhosos de duas designers maravilhosas: Jacque Larsen da loja The Lillypad e Karah Fredricks da loja Oscraps. Já fui convidada da Lauren Reid, em setembro do Scrapblog (que aliás tive a honra de ser “reconvidada” para o mês de Natal!). Eu já sou a Thais Palomares neste meio, bom né!   E quem não conhece a Thais Palomares pode conhecer a Thais, mãe do Pablo!!! Fora que tive a oportunidade de conhecer várias amigas virtuais pessoalmente, o que é muito legal!!!

Já parei e pensei que sou maluca, já que ao meu redor sou a única que tem uma vida pararela virtualmente (que eu sabia, kkk), mas graças a Deus, conheci pessoas maravilhosas, e ví que não somos malucos e sim modernos!!! A internet está aí, na porta, no trabalho, em casa, na escola…e como cada dia temos menos tempo, o jeito é apelar para esta nova aliada!!!!  E é isso, a gente chora junto, fica feliz, reza, manda energia positiva, torce, e tem gente que até se apaixona!!!

A única coisa é que não deixo minha vida REAL de lado, quer dizer procuro. Às vezes tenho “mil” coisas que gostaria de fazer, ou blogar, ou scrapear, mas se noto que maridão e filhão estão precisando de mim, querendo atenção, largo “eu filho – Note” e vou para meus meninos. Libero o note para o Pablo jogar um pouco, ou para maridex, cunhadex e amigos ficarem vendo videos do You Tube (carros e manobras em geral!).

Nossa, escrevi demais!!!!

Amanhã tem festinha na empresa, não estarei pela NET…

Read Full Post »

Eu Odeio Segundas-Feiras

-Eu odeio escutar o Pablo chorando pela manhã que não quer ir pora escola! Ah! filho, se eu pudesse….

-Eu odeio ter que pular da cama, ao invés de dormir até o corpo cansar e depois ficar mais meia hora na cama acordando.

-Eu odeio trabalhar com aquele soninho que não vai embora, logo depois do almoço. Porque nos finais de semana este soninho gostoso não aparece?

-Lei de Murphy: Pepinos chatos sempre resolvem aparecer nas segundas-feiras (nas sextas-feiras faltando 15 minutos pra sair também!)

– Eu odeio saber que o sabadão está longe…

 

ACHO QUE PRECISO DE FÉRIAS!!!!

Read Full Post »

Mário Quintana e o Tempo

marioq

 

Avida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira…
Quando se vê, já terminou o ano…
Quando se vê, perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê, já passaram-se 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado.
Se me fosse dado, um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando, pelo caminho, a casca dourada e inútil das horas.

Desta forma, eu digo: Não deixe de fazer algo que gosta devido à falta de tempo, a única falta que terá, será desse tempo que infelizmente não voltará mais.

 

Reflita: como você está passando o seu tempo???

Read Full Post »

Memória Seletiva

Todos nós temos memória seletiva, certo? Eu também, mas a minha seleção é não lá estas coisas não.

– Lembro de TODAS as músicas de minha infância, Balão Mágico,Trem da Alegria, Xuxa, Paquitas, Músicas infantis daquele disco Arca de Noé, entre outras coisas que estão ocupando espaço no meu cérebro; E canto para o Pablo…agora quando entra no carro pede para eu cantar a música da Vovó (A patinha da vovó botou um ovo, bem no meio de uma moita de bambú, todo mundo ficou muito espantado, pois e ovo era grande pra xuxu!!!……..pata, peta, pita, pota, pu….xa…muito pato pra nascer de um ovo só!!!) Clássico!!!

– Lembro de rostos de atores e atrizes de TV, mesmo coadjuvantes….então de vez em quando estou vendo um filme qualquer e aparece alguém na cena meu marido cometa: “Esta não é aquela menina que faz a terceira enfermeira no ER?”, e eu: “não ela faz a vizinha da cumadre da Sarah Jessica Parker de Sex in the City episódio 152” ….e por aí vai!

– Lembro de textos clássicos de blogs de amigas!!!!

– Livros que li, filmes que assisti..não esqueço!

Em compensação, não sei quem definiu a tal seleção na minha cabeça pois tem coisas que não rola:

– Nome de ator / atriz, cantor/cantora, grupo musical;

– Nome de música; Quem canta oquê;

– Relato de uma conversa: sou basicona, não consigo detalhar uma conversa ou briga ou qualquer coisa. Se um dia brigar e alguém me perguntar eu respondo “briguei”. Enquanto outras pessoas relatam assim: “eu falei que ela estava linda, ela falou que a mãe dela disse que eu falei que ela estava gorda, depois eu falei…..”. Não consigo.

– Tudo relacionado a números: Placa de carros (meu marido grava até a placa dos amigos), telefones celulares (tipo, “deixa que eu te ligo e sua bina identifica, tá?” ou “Amor não te liguei pois a bateria do celular acabou e não sei seu número de cor”…o dele nem o de ninguém, só o da minha casa!)..ah, aniversários também não são meu forte..mas é que tenho outros problema com datas..vide abaixo…

– QUE DIA É HOJE. Pergunto várias vezes ao dia, para meus colegas de trabalho: “escuta, que dia é hoje?”…tá, não se trata de dia da semana, mas sim número. Por exemplo, sei que meu aniversário de casamento é de 22/03, porém este ano (ou o ano passado?) eu não lembrei que aquele dia era o dia 22!!! Entenderam???

…………………….

Para não atrapalhar meu rendimento no trabalho, já que não posso contar muito com minha cabecinha de ostra, eu anoto tudo, as reuniões, quem me liga, oque tratei. Meu caderno é minha memória!

Fico preocupada, se estou assim aos 29 anos, imaginem quando estiver 60???

Ps: Não se preocupem, pois o Pablo está classificado na primeira classe das lembranças, nunca me esqueci dele!

E você tem boa memória???

Read Full Post »

Perdida

Todos dizem que homem não pede informação na rua se está perdido. Eu peço, sempre e quantas vezes precisar. Hoje não foi diferente, fui ao médico e na volta saí do caminho, claro, parei para perguntar, no momento que percebi que estava indo no sentido errado.

Foi quando me dei conta da minha insanidade: enquanto a pessoa estava falando, eu gravei apenas as duas primeiras indicações, na terceira, eu já estava pensando em outra coisa, não entendi mais nada! Enquanto o cara falava eu estava pensando que tinha que passar no banco, tinha que almoçar,tinha que passar na escola, e quando ele parou de falar eu agradeci, como se tivesse entendido tudo no meu GPS! Claro que não, por sorte após as duas indicações que eu “peguei” tinha placas! kkk Mas o problema aqui: isto não aconteceu a primeira vez…em outras ocasiões parei para perguntar novamente, e mais uma vez até chegar ao local que preciso. Será que meu cérebro esta programado para entender apenas as instruções básicas?

Alguém aí é maluca como eu???

Preciso urgentemente de um GPS (bom, também li que mulheres tem dificuldade de “ler” mapas).

Vou contratar um motorista!

Read Full Post »